Nota de repúdio

A Sociedade de Anestesiologia do Estado do Rio de Janeiro (SAERJ) vem a público manifestar seu repúdio ao suposto estupro praticado por um anestesiologista nas dependências do Hospital da Mulher de São João de Meriti – RJ. Esse tipo de comportamento é um completo absurdo e estamos confiantes de que as autoridades competentes irão apurar o que de fato ocorreu e punir o médico com todo o rigor, caso fique comprovado o crime. O médico em questão não faz parte do quadro de membros ativos da SAERJ, no entanto, oficiamos a CREMERJ para que apure os fatos.


Diretoria